E qual é o tema de que toda a gente fala?!

Pois que são os meus pintelhos. OK. Talvez para a maioria de vós seja o JJ mas a minha vida vai muito além disso e há assuntos bem mais interessantes, nomeadamente o meu pito.
Maneiras que aderi à depilação a laser e o que eu pensava que iria ser uma sessão dolorosa, horrorosa, com gritos e guinchos por horas intermináveis tornou-se uma coisa de 15 minutos que culminou comigo a dizer 'Então mas já está?! Eu peço desculpa mas não lhe vou pagar porque isto foi demasiado rápido para o meu gosto e eu nem senti nada'. Claro que não foi bem assim que lhe disse senão ela ainda me dava com o taser na testa e eu ficava sem sobrancelhas.
Disse-me a moça que passados cerca de 10 dias os ditos iriam começar a enfraquecer e a cair. Ora passados 5 dias e não vendo a penugem a desaparecer comecei mesmo a pensar que tinha sido aldrabada e que em vez de me roçar com a máquina ordinária de laser ela tinha usado uma lanterna* comprada no Lidl em promoção e eu tinha ficado a arder com o dinheirinho até que tive a maravilhosa ideia de puxar os pelicos e não é que eles simplesmente saíram????
Agora consigo compreender os homens que passam a vida a coçar os tomates porque eu cá às vezes até me pisgo para a casa-de-banho no horário laboral para arrancar a pintelheira. Sinto-me como que a depenar um frango... a alegoria não está completamente errada pois tecnicamente estou a depenar a franga. Só espero é que um dia destes o meu chefe não me pergunte o que é que eu tanto vou fazer à WC porque a desculpa do período já está a ser usada há 4 dias.
Não vejo a hora de ir à próxima sessão.

* para quem não sabe o laser emite um género de calor que com a continuação das sessões vai aumentando de intensidade (eu por exemplo, não sabia).

9 comentários:

  1. Claro que o Jorge Jesus é um tema completamente descabido quando temos coisas tão mais importantes com que lidar, aka comichões do piorio! Eu costumo ter comichões similares quando uso a lâmina (vá de retro) e por isso é que me voltei para os cremes que também fazem tudo cair, mas sem a parte comichosa (aproveito para admitir que vivi em medo de me cair a franga durante as primeiras horas). Não sabia que o laser tinha esses efeitos secundários.
    Vivendo e aprendendo. Vivendo e aprendendo. ;)
    (Welcome back! You should visit more often.)

    ResponderEliminar
  2. Finalmente nos voltas a abençoar com o teu pipi!
    Tu deves ser muito forte, porque já ouvi muita gente a dizer que a depilação a laser em certas partes do corpo dói-me mais do que com cera! Ou foste com anestesia local?? =P

    ResponderEliminar
  3. A primeira é um passeio no parque comparado com o que se segue, quando aumentam a intensidade da coisa. É de ficar com a franga on fire, e não no bom sentido.

    ResponderEliminar
  4. ehehehe Jasus Mulher, andas a depenar a franga a laser? Isso sim é de interesse, agora JJ,Jasus! :D:D:D

    ResponderEliminar
  5. Volta em grande, com as miudezas à mostra! :D

    ResponderEliminar
  6. Eu sei muita coisa porque há uns anos andei a me infomar sobre o lazer, o tipo de lazer, a luz pulsada... Onde se praticava melhor, etc. Não cheguei a conclusão alguma mas fiquei a entender o funcionamento. Aquilo funciona por disparos fotoeletricos e a eficácia depende da intensidade/lâmpadas. Se o esteticista for malandro, usa uma baixa e aquilo não dá em nada. Infelizmente, nunca é definitiva mas pode ficar perto.

    ResponderEliminar
  7. Depois deste post, podes ter a certeza que vou falar dos teus pintelhos.
    Vê lá se te apanham no WC a coçar a badjoila e ainda pensam que te estas a aliviar.
    Ahahaha
    Só tu... só tu!

    ResponderEliminar
  8. Só para te chatear, em bom português é pentelheira :))

    ResponderEliminar
  9. Opá, eu não aguentava as dores.. isso não tinha assim um jacto de ar frio ou assim, aliviar a dor do disparo? Bem gostava de voltar a fazer, mas só de me lembrar....

    ResponderEliminar

Opina aqui qualquer coisinha!