Porque o meu ass merece

No ano passado comprei uma bina e andava toda entusiasmada com aquilo. Já me imaginava a fazer a volta à França em Portugal ao segundo dia. Toda eu era moral mas a moral foi pelo cano abaixo.
Desmoralizei porque nunca conseguia fazer mais de 20/30km com diferença de uma semana entre cada volta sem que ficasse com fortes dores nas nalgas e mais tarde na testa do pito, foram alturas dolorosas em que eu pensei que fosse falta de hábito mas as dores nunca passaram e eu desisti. Quis acreditar que eu e o desporto éramos eternamente incompatíveis, amantes há muito separados, pior que Romeu e Julieta. Quis escrever uma teoria sobre o assunto mas o Abade chamou-me de parva e mandou-me pedalar que era falta de calo no cú.
Até que chegou o dia em que achei que tinha de investir num selim porque isto assim não podia ser, ou era isso ou Abade ia desmontá-la e usar as peças dela na dele, coisa que já há muito me andava a ameaçar e isso é que não! Maneiras que lá comprei um todo catita e um todo ou nada paneleiro, mas que é normal, porque afinal é um "selim para senhora" e deixem que vos diga que o meu cagueiro anda nas nuvens e em dois dias já fiz 36km e não estou nada dorida. Mas acho por bem começar devagar para não ficar assada numa virada e renunciar para todo o sempre ao desporto.
Podiam era ter-me dito que convinha pedalar com o selim posto, tinha poupado muitas dores de cabeça e evitava o cheiro a carne de porco chamuscada. Agora sim. Vamos lá então fazer a Tour de France (mas em Portugal).

20 comentários:

  1. Opá, que post tão épico loll

    Eu também preciso de trocar.. mas não é só o selim, é mesmo a bina toda, se não nunca vou conseguir pedalar grandes distâncias, ou arrisco a ficar apeada longe de casa com aquilo tudo escangalhado he he he

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por causa disso eu comprei logo uma para uns bons tempos. Talvez se levar mesmo isto a sério aí invista numa de topo, com cenas em carbono e afins. Mas por enquanto comprei uma bem boa. Mas a minha próxima compra serão uns sapatos próprios e a porcaria duns pedais que isto de andar com o téni da corrida cheira-me que não faz muito bem aos ossos.

      Eliminar
    2. A minha foi-me oferecida, e como diz o ditado "cavalo dado não se olha os dentes" :D

      Serve pa dar umas voltinhas no quintal, daqui por uns tempos (ou se calhar a ficar mal açaimada à porta de um centro comercial movimentado lol) logo troco.

      Eliminar
    3. Olha a dica, olha a dica "mal açaimada" quer-me cá parecer que alguém está a pedir alguma coisa ao Universo :D

      Eliminar
  2. Realmente, o nosso cú merece tudo!!!!
    Gostava de poder pedalar mas em Alguidares não dá, é muito alto e baixo! :(

    Como diz a outra no anuncio. " Se eu não tratar do meu cú, quem tratará?"
    (era mais ou menos isto...lol)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas ó Maria, altos e baixos é que é bom. faz músculo na peida e na perna a subir e depois descansas a descer. Pedalar a direito é chato :D vá lá comprar uma bina e marcar a sua presença por Alguidares.

      Eliminar
  3. Ainda bem que descobriste o problema, agora faz um favor e põe um cartaz na cena a dizer que é obrigatório usar slim, já não posso ver maricas, foda-se!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não faz mal a ninguém um maricas aqui, um maricas acolá é como se de um campo de flores se tratasse :D

      Eliminar
  4. Bina é um nome engraçado para a tua bicla. Bom, agora que já tens rodagem , tens de partir para os pedais de encaixe

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho um bocado de receio... faz-me confusão ter os pés presos. Também já tenho os sapatos de encaixe, mas os pedais... aiai, isso é outro problema :)

      Eliminar
  5. eheheheheh Isso! Quando maridão me comprou a bike nova, a 1ª coisa que fiz foi substituir o selim de origem por um apropriado de senhora pois tinha intenção de lá assentar a peida muitas horas e foi o melhor que fiz, não te esqueças dos calções com almofada, também ajuda. E vais ganhar calo sim :-) Boas pedaladas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os calções com carneira já eu tinha, mas mesmo assim tinha dores de chorar. Foi muito mau... mas agora já estou fina :)

      Eliminar
  6. Oh mulher, que raio de descrição!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem de ser assim que é para conseguirem imaginar a minha dor.

      Eliminar
  7. Muito bom, matas me com estes posts melher xD
    Nem sabia que existiam tais selins xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah. Os selins... há todo um mundo de selins à espera de serem descobertos só é preciso experimentar :D

      Eliminar
  8. Ainda tou para perceber como é que ficavas com dores na testa do pito... Mas isso sou eu que faço imagens mentais!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como me doíam os ossos da pélvis para não os deixar tocar no selim acabava por fazer mais pressão na testa do pito. Foram alturas más :)

      Eliminar
  9. Eu orgulhosamente não tenho calo no pandeiro...mas tenho estofos extra que eram capaz de colmatar a falha do selim

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também tenho uns bons estofos extra... mas o selim mesmo com uma almofada em cima doía. Aquilo era pior que uma tábua de madeira...

      Eliminar

Opina aqui qualquer coisinha!