Querem-me ficar com tudo é o que é!

Estava eu a fazer aquela tarefa anual que odeio, não a de lavar vidros, mas a outra de seu nome IRS quando tocam à campainha. E já sei de antemão que ou é:
a) a minha vizinha de baixo; ou b) peditórios.
Normalmente nem abro mas naquele dia estava bem disposta porque acreditava que ia ter um valente reembolso. Abri a porta e apresenta-se-me um tipo jovem, bem vestido com o colete de uma associação conhecida que ajuda criancinhas as redor do mundo, mas que eu não vou nomear porque ninguém me pagou para andar a fazer publicidade.
Ouvi a lenga-lenga do costume e até ia contribuir quando reparo que o moço não desviava o olhar das minhas irmãs. Pumba! Esqueci-me que tinha ido à porta com uma camisolinha sem soutien e que o rapaz estava com alguns problemas em manter um discurso coerente, até que eu olhei para o formulário que ele trazia, li "autorização débito directo" e a casa veio abaixo.
Calma lá! Podem-me olhar para as meloas em troca de caridade que eu deixo. E mais, se o rapaz me dissesse que se eu levantasse a t-shirt que ele acabava com a fome no mundo eu fazia o sacrifício em nome da humanidade, mas não me peçam autorizações bancárias para doações.
O moço ainda tentou argumentar que não tinha qualquer tipo de obrigatoriedade e que assim que pretendesse desistir bastava contactar uma linha deles, mas pessoalmente senti-me ofendida. Uma doação é dada quando se pode e quando se quer e não uma obrigação mensal.
Com isto tudo, voltei à declaração anual que me vai render um reembolso de fazer chorar as pedras da calçada que em princípio dará para um café e isto se o café não aumentar mais cinco cêntimos.
Vou mas é pegar na ideia daquela maravilhosa associação, que de mim não leva nem mais um chavo e vou começar a fazer peditórios também por débito directo, se tudo isso falhar vou para a rua levantar a minha t-shirt em troca de notas de quinhentos.

24 comentários:

  1. Acho que o rapaz, levou mais do que pedia inicialmente!! :p

    Eu no ano passado recebi pouco mais de €18, este ano, vou trabalhar para os €19!!
    Sim por que eu ainda fiz GRANDES descontos no ano transacto!! ...quase €100!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 19€? Isso é muito. Acho que devias contactar a tua repartição de finanças mais próxima e doar esse dinheiro ao Passos Coelho.

      Eliminar
  2. Caramba que os peditórios estão cada vz mais à frente... débito direto?!! A sério? :o

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade. Já um amigo meu tinha comentado comigo e eu não acreditei nele, pensei que estava a gozar comigo. Mas a verdade é que eles dizem que eram assaltados então agora querem tudo por transacção bancária... que grande lata xD

      Eliminar
  3. Eu cá não me espantava nada que daqui para a frente te aparecessem à porta gajos dessa associação todos os dias. é que já tou a ver esse joven a chegar à sede a dizer "Eh pá, não trouxe doação nenhuma, mas uma gaja da rua x abriu-me a porta sem soutien" xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não quer eu agora não abro mais a porta. E se abrir vou de casaco polar falar com eles e passa-montanhas na cara ehehehe

      Eliminar
  4. Pelo menos o rapazito foi embora satisfeito :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E deixou-me insatisfeita :) não se faz lol

      Eliminar
  5. A mim nem para um café, que todos os anos pago e/ou com sorte, fica a 0's.. mas isso de flashar as mamas por notas de 500 parece ser um bom plano para arranjar uns cobres extra muhahahha

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também não precisas de receber que isso é viver acima das possibilidade xD.
      Já sabes que se pensares utilizar esta minha ideia tem de me pagar direitos de autor ehe

      Eliminar
    2. Dou-te uma percentagem do que conseguir "angariar" muahahah

      Eliminar
  6. As coisas que inventam, e imagino as pessoas que enganam com essa do debito directo!
    Pelo menos o mecito lavou as vistas com os melones da menina! lol

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cá comigo não há debitos directos para ninguém. É só a casa e porque tem MESMO de ser. Não há cá pão para malucos.

      Eliminar
  7. Ai o malandro, viu-te os bicos, que todos sabemos serem de belíssima qualidade e mesmo assim ainda quis o débito directo. Bandalho, é o que é...

    ResponderEliminar
  8. Eh pah, nem quero pensar em preencher o IRS. Aquilo até é simples, mas reunir a papelada é uma cruz!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Faz-se bem. Só que quando carrega em simular sinto-me como se tivesse a jogar roleta russa com uma pistola.

      Eliminar
  9. eheheh, os peditórios tornaram-se uma verdadeira arte. Já o IRS... nem quero falar senão começo aqui com um berreiro...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estou a ver então que é mal geral. :'( chuif

      Eliminar
  10. O pensamento ficou-me na parte das irmãs...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah então eras tu o tipo que andava a pedir???? :D

      Eliminar
  11. Ah claro débito directo...lá está mais depressa lhe dava um KO tecnico com uma das irmãs no nariz.Ai quero tanto poder pagar um café com o meu IRS!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se me dissessem ' a minha ganha o euro milhoes se aderir ao débito directo' eu nao aceitava!

      Eliminar
  12. Hola! I've been reading your blog for some time now and finally got the courage to go ahead and give you a shout out from Houston Tx!
    Just wanted to mention keep up the excellent job!


    Feel free to surf to my page - Rickie Bissette

    ResponderEliminar

Opina aqui qualquer coisinha!