Uma semana do caraglio!

Ou os planetas desalinharam-se completamente durante a semana passada ou então sempre há uma conspiração universal contra mim... porquê?! OH PORQUÊ?!?!?!

Segunda-feira: Nem me dou a trabalho de comentar que é um dia negro... só consigo pensar em homicídios!

Terça-feira: Decidi armar-me em esperta e experimentar uma nova saída de metro, uma mais perto da paragem do autocarro!
Mas caso ainda ninguém saiba, eu sou uma labrega a andar de metro... às vezes basta mudar de carruagem e quando saio já não sei a quantas ando, pareço uma tolinha a ler todas as placas, e como sou um bocadinho míupe e recuso-me a usar óculos só vejo o que está escrito quando estou mesmo, mesmo debaixo da placa! Maneiras que eu e o raio das experiências deu como resultado andar às voltas dentro do metro e acabar por voltar para a paragem do autocarro do costume.

Quarta-feira: Experimentei sair outra vez numa estação diferente e desta vez acertei. Afinal a solução era em vez de sair para a direita, era sair para a esquerda.
Há alturas em que fico mesmo orgulhosa de mim "Ah maluca, és mesmo esperta de vez em quando".
Estou na paragem do autocarro quando chega um velhote ao pé de mim e pergunta-me se o autocarro demora muito, eu digo-lhe que está mesmo a vir... ficou 5 minutos ali na palheta comigo, a queixar-se do tempo, do hospital de Santa Maria, dos autocarros... e eu por boa educação respondia ao senhor, porque entendo que os velhotes talvez precisem de conviver um bocadinho com gente mais nova. E vem o bendito do autocarro e o senhor agradece-me, eu entro, ele entra...! O autocarro vazio, sento-me... e eu a pedir aos santinhos "senta-te noutro sítio, aqui não! Aqui não que eu quero dormir!" e PIMBA, o homem vem-se sentar ao pé de mim... e continuou o queixume, a mulher que está numa consulta do Santa Maria, que este autocarro é muito bom, que a placa dele é muito boa mas que foi muito cara e a recomendar-me o gajo das placas dentárias e eu a pensar "oh meu senhor... já viu os meus dentinhos?! Eu lá preciso de placa com 24 anos"... mas lá está, fui incapaz de o deixar a falar sozinho... Até que chegou a minha paragem e eu saí.

Quinta-Feira: Não sei que raio aconteceu ao almoço que foi só emborcar vinho tinto e verde.
Epah, muito sinceramente eu odeio vinho... aquilo tem um sabor que Ai!Jesus. Sabia mal, pior que mal, conforme engolia aquilo só me apetecia vomitar-me toda!... aquela merda era vinho carrascão... mas também não o ia deixar no copo, era o que mais faltava!
Até parecia mal com tanta gente a passar sede e eu a desperdiçar vinho... além disso, o que interessava é que desse um bocadinho de moca, que deu. Lá passei a tarde toda a cantarolar, com uma azia, vontades de arrotar, pernas dormentes e uma dor de cabeça como daqui a Belém.
E à noite só digo isto 6ª temporada da Anatomia de Grey... chorar, assoar, chorar, assoar, comer chocolate, continuar a chorar , fungar, comer chocolate.

Sexta-Feira: Estava toda entusiasmada porque ia ao cabeleireiro, chego lá e digo que apenas quero cortar as pontecas e fazer um escadeado... e não é que aquela gaja me fez franja e cortou-me o cabelo que me dava pelo meio das costas por um pouco abaixo do ombro?! E eu feita toni ainda lhe dei 1€ de gorjeta como quem diz "tomá lá ó puta, por seres tão boa cabeleireira ainda levas gorjeta", que tótó que eu às vezes sou! Mas aquilo foi vingança da porca... porque eu levei o meu amaciador para a senhora não me mamar 3€ por um cagalhão de amaciador para o cabelo (que forretice a minha)! Não me apanhas mais nesse cabeleireiro, não!
E chega a hora de almoço... espetam-me com vinho rosé, claro que mais uma vez eu não sou de deixar nada ir fora! E foi mais uma tarde de fado cantado, de dor de cabeça, de arrotos e azias... mas eu precisava de esquecer que metade do meu cabelo foi à vida!

Maneiras que ainda me falta o Sábado e o Domingo e eu até estou com medo do que possa vir para aí...
Agora digam-me lá se isto não é conspiração contra a minha pessoa!

13 comentários:

  1. Oh pá, eu não sei o que é que tu fazes na vida, mas já experimentaste escrever uma tragicomédia para uma novela da TVI?
    É que tu fazes das me#das do dia-a-dia autênticas obras de arte eheheh.
    Então aquela de não desperdiçar vinho, quando há tanta gente com sede eheheh...
    A sério, tenho visto porcarias muito piores do que as que tu escreves, serem êxitos de cinema.
    O senhor "abade" deve passar bons serões contigo. E não estou a falar das badalhoquices sexuais eheheh. Estou a falar de noites de gargalhada de engasgar eheheh.
    Tens é de aprender a gostar de vinho. Vais ver e ainda viras fadista. E agora que descobriste uma cabeleireira que gosta de cortar, faz-te um corte à moda da Mariza e tás aqui e tás rica. Uma rica prenda eheheh.

    Beijoca e um melhor inicio de semana.

    ResponderEliminar
  2. lllolll! Realmente, só tu!
    O vinho é k induca e o fado é k instrói! Secalhar se bebesse um belo do tintol as minhas enxaquecas melhoravam! Beijokas

    ResponderEliminar
  3. LOL
    que animação :D

    Lendo daqui até teve piada esta tua semana...hehe

    beijinhooo
    *

    ResponderEliminar
  4. Tanta porcaria junta... realmente, escreve uma novelinha. :P

    ResponderEliminar
  5. Seus gatinhos são lindos. Adorei seu blog. Miaaauuu...

    ResponderEliminar
  6. Olha, o que eu te digo é que "Ah e tal não gosto de vinho" MAS MAMA-LO TODO!!!!!!!!! :D

    ResponderEliminar
  7. Fizeste a boa acção do dia com o velhote da placa. Nem tu calculas.
    Eu conheço uma senhora velhota que nunca teve filhos.
    O marido ainda trabalha, mas ela está reformada. E passa os dias sozinha, coitada.
    Tinha um cãozito, mas morreu de velhice.
    Então, essa senhora, quando não aguenta mais a solidão, apanha um autocarro qualquer e vai metendo conversa com as pessoas. Deixa-se ficar no autocarro até à última estação, e depois volta para casa noutro autocarro.
    Vai falando com os passageiros que lhe dão conversa e assim passa os dias.
    Coitada, é triste, nós às vezes nem temos noção do que é a solidão.

    E quanto à cabeleireira, aprende comigo, que eu também já me fartei delas! Cabeleireira nenhuma há-de ganhar mais um tostão à minha custa.

    Quem corta a minha trunfa sou eu mesma.

    A minha cabeleireira cobrava pelo shampôo, pelo amaciador e pela lavagem.

    Quando comecei a levar os meus frasquinhos de casa para não pagar (fiz como tu, vês?), ela cobrava pela lavagem e pela aplicação dos MEUS produtos.

    Ó pá! Atão isso não é fazer de uma pessoa parva?

    Para mim acabou. Agora sou eu que corto, e olha que nem faço mau serviço. É só puxar o cabelo todo para cima e cortar - fica logo escadeado.

    Da próxima que precisares de cortar, ganha coragem, agarra numa tesoura e mete-te em frente ao espelho que vais ver como é fácil!

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  8. Os teus posts têm o condão de me fazer rir, mas rir a sério, de maneira a fazer figura triste aki no escritorio por rir sozinha para p PC...

    Também eu fui ao cabeleireiro na semana passada e saí de lá c uma franja à tótó... sem comentários, agora ando de gancho na esperanja que a gaja cresça muito, muito rápido!!

    Isso é q foi uma semana em cheio... faz lá uma viagem a meca, pode ser q esse carma acabe :)

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  9. Pronta para esta semana?
    Bem, eu cá não tinha a coragem que a Hazel tem! lol

    ResponderEliminar
  10. Já tou ansiosa pra saber como te vai correr esta semana!!!

    Essa de não gostares de vinho mas, para bem da humanidade, teres de beber tudo o que te põem no copo é a melhor desculpa que ouvi até hoje!!
    TU GOSTAS É DE PINGA!! Já vi tudo!
    hehe

    ResponderEliminar
  11. Galo,

    Já o Abade diz que eu devia-me dedicar à escrita... mas isso é coisa que cá para mim dá muito trabalho, ter que inventar personagens e essas coisas, é muito complicado para a minha cabeça. :-P

    ----

    Indecisa,

    Pois, pois... vocês só se riem de desgraças alheias... suas, suas... malandrecas :)

    ----

    Silk,

    às vezes... às vezes nunca se sabe! O vinho até podia ajudar com as dorzitas, porque ficavas um bocadinho anestesiada.

    ----

    S*

    Eu não sou moça de novelas, aliás... não gosto nada. E se me dedicasse a escrever uma depois tinha que deixar de gostar de mim, e isso é que não pode ser, ora essa...

    ----

    Gata Lili,

    Muito obrigada por elogiares os meus traquinas, realmente sou uma mãe babada e bebeda também ehe.

    ----

    Talisca,

    Eu sou uma pessoa que me preocupo muito com o bem estar mundial, e como tal não pude deixar de desperdiçar o binho :-D

    ----

    Hazel,

    Eu sei que eles precisam de falar, por isso é que não fui capaz de responder torto ao senhor. A mim toca-me muito os animais e pessoas idosas, preocupo-me muito.

    Em relação a cortares o cabelo. No meu anterior emprego tinha uma colega que ela própria cortava o cabelo, e eu ficava fascinada porque andava sempre com o cabelo com um corte espectacular, melhor cortado do que quando eu ia à cabeleireira... acho que vou ganhar coragem e aderir à velha máxima "se queres uma coisa bem feita, tens que a fazer tu mesma :-)

    ----

    Miss Dreams,

    Mau... mau, já não és a primeira que me chama palhaça, um dia destes começo a cobrar as gargalhadas :-D

    Bem... hoje já estou mais habituadinha ao novo look e até estou a gostar... mas pronto... não perdoo a gaja! Agiu mal :-S

    ----

    Luísa,

    Eu estou sempre pronta... estou sempre pronta para o pior! lol... porque já estou habituada.
    Olha que isso é uma questão de hábito, como já escrevi atrás tinha uma colega minha que ela própria cortava o cabelo e digo-te, estava espectacular!

    ----

    Lizzy,

    Tu também... andas para aí a descobrir a careca às pessoas lol... apanhaste-me o ponto fraco... AH FADISTA! lol

    ResponderEliminar
  12. Sempre bom saber que existe mais alguém com problemas com o metro :P

    ResponderEliminar
  13. Lendo as coisas como as escreves, até tiveste ma samana bem divertida, para quem lê claro.
    Com essa animação toda, tens de começar a gostar de vinho, já que o bebes até ao fim lolll
    Espero que o fim de semana tenha corrido melhor, ou entao agarra-te ao gargalo da garrafa, estás aqui estás a cantar o fado, ai estás estás...

    Beijokinhas

    ResponderEliminar

Opina aqui qualquer coisinha!